Parceiros

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Vereador Pedro Ruas apresentará projeto para tombar o Olímpico

Ação impediria demolição do prédio do antigo estádio do Grêmio.

Reeleito para o cargo de vereador com o maior número de votos em Porto Alegre, Pedro Ruas (P-Sol) está prestes a encampar uma nova disputa. Ele quer tombar como patrimônio histórico o estádio Olímpico, evitando assim a demolição da estrutura, prevista para 2013. A proposta será protocolada na Câmara nesta terça-feira. Para entrar em vigor, o texto precisa ser sancionado pelo prefeito José Fortunati, que é conselheiro do Grêmio. “Espero que a população pressione os seus representantes municipais.”

A medida, segundo ele, foi por iniciativa própria. “Não fiz consulta ao Grêmio ou à OAS”, contou ele, referindo-se à construtora que ergueu a Arena para o Grêmio como parte para ter o Olímpico, área onde deve construir torres residenciais. “O tombamento é o impedimento de mudanças estruturais na arquitetura original do estádio. E é só o ginásio e não o entorno dele”, explicou o vereador, salientando que poderia haver construções no local onde hoje ainda funciona o gramado suplementar.

Conforme o vereador, que é advogado, o tombamento do Olímpico teria respaldo jurídico: “O Olímpico cumpre os requisitos da constituição”. E mesmo com um eventual tombamento, a OAS poderia operar a ex-casa gremista. De acordo com o vereador, o Olímpico poderia seguir recebendo eventos esportivos. “A partir daí (tombamento), vários convênios podem surgir”, destacou. “A propriedade continua com a OAS ou o Grêmio, enfim. Pode ser alugado, vendido. Só não pode mudar a arquitetura original.”
Fonte: Correio do Povo

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Parceiros