Parceiros

domingo, 10 de julho de 2016

Um pedacinho da Feira do Livro

A 1ª Mini Feira do Livro, organizada pela Associação dos Livreiros de Passo Fundo (ALPF), segue até domingo (10). O evento é uma pequena amostra da 30ª Feira do Livro de Passo Fundo, que será realizada de 04 a 13 de novembro

A antiga estação férrea, no Parque da Gare, acolhe a Mini Feira do Livro, proporciona mais conhecimento e abre as portas para o mundo da leitura. Nos livros, histórias que encantam, páginas que apaixonam, contextos que despertam para novos rumos, novos olhares sobre o todo. Em um formato novo, menor, mas com uma programação diversificada, o evento promove ainda mais a leitura e o incentivo à formação do novo e “velho” leitor. O evento, que teve início no último dia 02, segue até domingo (10), e é uma atividade paralela à tradicional Feira do Livro, que acontece anualmente e já é lugar querido por leitores apaixonados pelo mundo das letras e pela cultura.

Contação de histórias, músicas e colorido por toda parte, a Mini Feira do Livro aproximou mais uma vez, o criador e a criatura, do expectador, do leitor. “Esse espaço está muito bom e nosso objetivo não é apenas vender livros, mas sim, divulgar a ALPF. Aproveitarmos esse espaço, que está muito bonito, para valorizar e fomentar a leitura para as crianças, o que é muito importante sempre. A contação de histórias, que foi uma atividade realizada no espaço ao longo dos dias, desperta nas crianças o desejo pela leitura, o contato com o livro, e isso é fundamental”, destaca a vice-presidente da Associação dos Livreiros de Passo Fundo, Zirlei Cappellaro.

Com uma programação menor, mas diversificada, Zirlei descreve a Mini Feira como algo mais aconchegante, mais sucinta. “É uma coisa nova, uma experiência nova. Mas está sendo bem aceita, a comunidade está aderindo, participando. Estamos conseguindo divulgar, mostrar a nossa Feira do Livro que irá acontecer depois, mostrar os livros. Trazer a cada dia um novo autor pela manhã e outro a tarde, ou seja, o autor está presente. Estamos valorizando os escritores regionais, o que é nosso, que é daqui”, salienta. “Foi tudo muito rápido para a realização da Mini Feira do Livro, mas tivemos bastante apoio da comunidade e das Secretarias ligadas a educação e cultura”, completa Zirlei.

30ª Feira do Livro
Com data definida, a trigésima edição da Feira do Livro de Passo Fundo, será realizada em novembro, no salão de eventos do Bourbon Shopping, assim como foi em 2015. De 04 a 13, toda região poderá, mais uma vez, se encontrar com escritores, ter acesso a obras e muita cultura. “Termina uma edição do evento, realizamos o balanço e já iniciamos os preparativos da próxima. Esse ano, é um ano atípico, mas fomos privilegiados com a aprovação do projeto da Lei Rouanet. No primeiro semestre esbarramos um pouco na busca por recursos para a realização da trigésima Feira do Livro, que é um momento especial, é a nossa história, é a história da Feira do Livro, então tem muita história para ser contada”, explica Zirlei. “Mas vamos aguardar, por que eu ainda não posso adiantar nada”, brinca.

Assim como pontuou Zirlei durante a entrevista, os trinta anos da Feira do Livro de Passo Fundo, não podem ser comemorados de qualquer forma. “O que posso adiantar é que teremos uma programação muito boa, extensa, diversificada. Serão dez dias de Feira e desde já convidamos para que a comunidade participe, por que é um evento aberto à comunidade e precisamos do engajamento de todos, de parceiros que queiram investir na cultura, para a formação de novos leitores, para nos fortalecermos cada vez mais como Capital Nacional da Literatura. Precisamos de companheiros que queiram agregar à Feira do Livro, que queiram caminhar conosco”, ressalta.

Mais perto do autor
A Presidente da Academia Passo-Fundense de Letras, Dilse Piccin Corteze, esteve na tarde de sexta-feira (08), apresentando suas obras e participando da Mini Feira do Livro. “É um momento para expormos, para tornarmos nossas obras visíveis, é sempre uma oportunidade para estarmos próximos das pessoas. Esse contato sempre gera o incentivo à leitura, à cultura e nada melhor que fazer isso em uma Feira do Livro”, destaca a autora de mais de dez obras, entre trabalhos individuais e colaborações com artigos e capítulos de livros.

Educação, cultura… E saúde
O espaço onde a Mini Feira do Livro está sendo realizada, deverá abrigar também, hoje, sábado (09), uma Feira da Saúde. “Estamos aproveitando essa oportunidade para reforçar e buscar mais parcerias. Hoje teremos uma Feira da Saúde, por exemplo. Dessa forma, estaremos movimentando esse espaço, que está tão lindo, mas que precisa ser frequentado, precisa ser valorizado, pois é a parte histórica da nossa cidade”, enfatiza a vice-presidente da ALPF. Ainda, para quem for visitar e aproveitar os dois últimos dias da Feira, poderá participar da Campanha do Agasalho e arrecadação de alimentos não perecíveis, os quais serão repassados posteriormente, ao Projeto Transformação.
Fonte: DM
Quer ler mais sobre este ou outro assunto relacionado CLIQUE AQUI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Parceiros