Parceiros

sexta-feira, 30 de setembro de 2016

A Garota no Trem - Paula Hawkins

"Este livro de suspense envolve o desaparecimento de uma jovem e faz parte de uma longa lista de livros “da moda” contendo Garota no título. Apesar disto, a narrativa de Paula Hawkins é surpreendente, realista e nos prende até a última página." por Luiza Ramalho

Rachel é uma mulher mais velha, desempregada, divorciada e com grande inclinação para o consumo excessivo de gim-tônica. E só isso já nos faz imaginar que sua vida não tem nada de invejável.

A única coisa que ainda a impede de desmoronar completamente é a rotina de pegar o trem das 8h04 rumo a Londres, fingindo que vai trabalhar, e observar as casas à beira dos trilhos, fantasiando uma vida perfeita para os habitantes delas.

Durante uma dessas viagens, Rachel se depara com uma cena chocante na casa de Jess e Janson - um casal cujo nome ela inventou – que pode estar relacionada com o desaparecimento da jovem, que na verdade se chama Megan.

A partir daí, seu novo desafio passa a ser o de tentar convencer a polícia do seu testemunho e de tentar se lembrar dos detalhes mais importantes.

Neste livro de suspense, onde a lucidez se confunde com os delírios de uma mulher de meia idade marcada pelas tristezas da vida, podemos perceber que cada pessoa tem um ponto de vista sobre a vida do outro e uma reação diferente perante acontecimentos que ninguém mais, além de nós mesmos, sabe.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Parceiros