Parceiro

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

Energia grátis e moto-contínuo: Argentinos fazem motor magnético

Há um bom tempo eu postei aqui o caso do motor magnético. Se não me falha a memória, na primeira vez que falei dele aqui foi num artigo em que dizia que um proeminente pesquisador do MIT estava estudando um motor desenvolvido por um cidadão americano, que nas horas vagas fabricou, na própria garagem algo que a ciência tradicional sempre nos disse que era impossível: Um moto-contínuo.

O moto-contínuo é basicamente um motor que funciona para sempre, produzindo sua própria energia necessária para funcionar. De fato, este tipo de coisa vem sendo perseguida por muitos ao longo dos séculos, e ao que se sabe, até agora ninguém conseguiu fazer este sonho virar realidade. Os céticos troçam de todos os homens que em seu misto de sonho, idealismo, ambição e obviamente uma boa dose de inocência, se lançam em busca de obter seus próprios moto-c0ntínuos. Como se trata de algo que desafia completamente os preceitos mais básicos da lei da conservação de energia, é óbvio que muita gente -com razão – desconfia quando surgem os que dizem ter conseguido.
Um tempo depois que publiquei este post  sobre o cara do MIT e a tal maquina escalafobética, surgiu outro post onde uns cientistas (um deles é brasileiro inclusive) faz funcionar o motor inventado por um cientista turco, e ainda desmonta uma dessas maquinas na frente de uma junta de professores de Física, da Universidade de Delft na Holanda.

Logicamente houve quem torcesse o nariz para aquele video, supondo que seria uma fraude. Em vista da duvida (que tb foi minha) se era um video real ou uma farsa, eu pessoalmente, entrei em contato com o professor que demonstra a maquina. Precisei dar uma de detetive para achar oemail dele, mas pra meu espanto, ele me respondeu e confirmou o video, a maquina, o experimento e ainda por cima que ela realmente gera energia grátis!
Comecei a levar mais fé quando isso aconteceu. Até o presente momento, eu devo confessar, ainda não estou seguro se realmente essas maquinas são moto-contínuos como seus inventores alegam ser, mas é preciso reconhecer que a ciência não é uma coisa morta. Ao contrário, ela é viva, feitas de novas duvidas e descobertas a cada dia. Se entubarmos a máxima de que “um moto contínuo não pode existir” porque ele desafia uma lei da Física, estamos nos inclinando perigosamente para que uma “lei” se torne um “dogma”. É possível que haja alguma propriedade ainda pouco conhecida do magnetismo operando ali? Eu penso que sim, mas há que duvide.
Minha opinião pessoal é a de quem já viu e fez em casa um objeto mais pesado que o ar levitar. Há séculos atrás isso seria considerado bruxaria, mas hoje sabe-se que um supercondutor levita porque uma propriedade magnética rara opera ali. Achar que nossa ciência atingiu o ponto final de seu conhecimento sobre toda a natureza é uma sonora estupidez que contradiz a máxima  socrática mais verdadeira quando se trata de ciência:
Só sei que nada sei.”
É claro que temos que dar a mão à palmatória no que concerne a hipótese desses engenhos serem simples motores de altíssimo aproveitamento. Ainda sim, é algo excepcional.
De qualquer forma, aqui está o motor magnético argentino. Veja ele funcionando com seus próprios olhos.

Tudo leva a crer que a experiência argentina seja compatível estruturalmente ao motor magnético exibido na Holanda. Em teoria, isso poderia indicar que realmente o negócio funciona e outro grupo de pesquisa independente conseguiu construir o mesmo motor.
Mas o que dizer de maquinas capazes de gerar energia elétrica do nada? Seriam os famosos geradores de estado sólido. Há quem pense que isso é coisa de Star Trek. Mas não é o que pensam e alegam caras como este aqui:
exibindocomponentes Energia grátis e moto contínuo: Argentinos fazem motor magnético

Se isso for mesmo verdade, temos aqui algo que poderia mudar a matriz energética planetária rapidamente… Ou não. Há gigantescos interesses em jogo aqui. Seria muita inocência acreditar que grupos enormes ligados a matriz energética vigente na atualidade iriam gostar de um motor que tira energia do nada ou sabe-se la de onde de forma grátis.
Pra quem vender o àlcool? E a Gasolina? E o Diesel? E pior, como garantir o leitinho dos filhos dos caras que trabalham na Light?
O sonho da energia grátis não é novo. Foi este sonho que contribuiu efetivamente para o gênio Nikola Tesla terminar sua vida na pobreza. O cara que inventou o radio, a corrente alternada, a luz fluorescente e mais um monte de coisas dizia que um dia a energia elétrica poderia ser grátis e acessível a todos que precisassem dela. Tesla foi um gênio no campo da energia elétrica, mas sua maior burrice foi dar as costas ao lado mais perverso do ser humano: A cobiça.
Seja isso verdade ou não, aqui está algo curioso para debater numa mesa de bar. Penso que manter o ceticismo é bom nessas horas de alegações extraordinárias. Há sempre a possibilidade de que tudo acabe se tratando de erros de interpretação ou meros engodos para obter dinheiro dos trouxas.
De qualquer forma, acho admirável que os argentinos tenham se juntado aos norte americanos, russos, japoneses, holandeses e até turcos na busca por um motor magnético. Enquanto isso, a gente segue vendo BBB, rebolando no carnaval e dançando com o Michel Teló.
fonte:http://www.mundogump.com.br/energia-gratis-e-moto-continuo-argentinos-fazem-motor-magnetico/

8 comentários:

  1. Porque essa gente sente tanta dificuldade de ler um livro de física?

    NÃO SE PODE TIRAR ENERGIA DO NADA. O resto é besteira ideológica.

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. Olá,

    Possuo um blog especializado neste sonho "impossível" de se tirar energia "do nada".

    Obrigado

    ResponderExcluir
  5. Amigo eu estou também construindo um motor magnético e acredito que poucos conseguiram a façanha de fazer esse motor funcionar. não que estou tirando a esperança de milhões de pessoas pelo mundo de que um dia serão livres do monopólio seja ele qual for. E digo a todos que esse dia está mais próximo, do que muitos pensam; O motor magnético que estou construindo vai sim funcionar e com muita potência, já o desenhei e no desenho a cada dia que passa eu o aperfeiçoou-o ainda mais, mas tenho certa dificuldades em o desenvolver devido o fato de que ele precisa de micro engrenagens de metal para compor o seu corpo; e essas engrenagens, tem que serem milimetricamente precisas e corresponderem ao conjunto de tempo que eu atribui para seu funcionamento, mas creio que e só uma questão de tempo para eu conclui-lo. E muito obrigado pelo espaço !

    ResponderExcluir
  6. Pessoal: o motor magnetico acima é uma variação do Motor Perendev, que já foi mais do que provado não ser um motoperpétuo. Como o sistema usa potentes imãs de neomídio, o sistema gira, porem ser torque e com o tempo os imãs perdem o magnetismo e acaba parando.

    ResponderExcluir

Parceiros

Parceiros